Na “Jega” na Praia, ou na Tia

Por Wilson Albino Pereira

prisão

A coisa se deu mais ou menos assim: ocupei um lugar na fila para aguardar a chegada do ônibus, abri a mochila e saquei meu “Bukowski” capa dura 3 em 1, folhas branquinhas e letras graúdas. Quando mergulhei na leitura, ao meu lado alguém falou: “Moço, saí da cadeia ainda agora. Tô sem nem um ‘puto’ na carteira. Paga minha passagem pra mim?”.

Ao Transferir meu olhar, me deparei com um rosto pálido, ossudo e sério. Tudo bem, pago sim, falei e retomei a leitura. Outras duas vezes o rapaz voltou a me interromper. Aí percebi que ele estava mesmo era afim de conversar. Foi uma decisão difícil, porém fiz o processo inverso. Fechei meu “Bukowski” e o depositei no fundo da bolsa.

O leitor voraz saiu de cena e cedeu espaço ao jornalista, que desconfio, sempre habitou em mim. Perguntei nome, idade, motivo do encarceramento, como são as coisas lá atrás dos muros, e tal. O ônibus estacionou e com ele a dúvida do ex-presidiário promovido à fonte. “Noooossaaaa, você pergunta ‘pra’caraio’, cara, observou. Impressão sua, afirmei.“Você não é jornalista não, né?”, perguntou. Sou quase, respondi. Ferrô! completou ele.

Esclarecido que eu era estudante de jornalismo(na época), ele me perguntou se eu iria escrever sobre o papo. Respondi que sim. Ele pediu que eu preservasse seu nome. Prometi e cumpri. Ele ficou preso por oito anos, porque matou e traficou. Durante este tempo dividiu o sanitário com 31 colegas de cela. Tomou banhos só em água fria e diz ter sofrido injustiças várias. Diz que os representantes dos Direitos Humanos sabem de tudo e nada fazem.“Lá, na cadeia, afirma, quem tem mil reais na mão compra uma ‘jega’ (cama), quem não tem dorme na praia, (chão) quem tem queda pra suicida se enrosca numa tia (corda feita com trapos). Se tiver de voltar, prefiro morrer”, conclui o rapaz que tatuou bem grande no braço direito a palavra “liberdade”.

 

 

 

Anúncios

2 comentários sobre “Na “Jega” na Praia, ou na Tia

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s